Álbum ao vivo da banda da Betel Church em Reding, California. Gravado em Novembro/10, é um álbum estritamente de músicas de adoração, letras fáceis e curtas, ótimo para uma apresentação ao vivo, facilita o público presente.

Liderado pela vocalista Kim Walker-Smith, Chris Quilala (vocal e guitarra), Jake Hamilton (vocal e guitarra) e Kristene Mueller-DiMarco (vocal e compositora)

Todas as músicas com mais de 6 minutos e  com ministrações espontâneas, traz a ideologia do grupo que é de adoração genuína. A gravação ao vivo foi uma apresentação, um culto, não um “show” como costuma se ver por aí, fácil de sentir a presença de Deus ouvindo-os.

O CD é caracterizado por músicas de adoração, em toda sua totalidade. E o que é bacana é que o mesmo não se torna tão cansativo, todas bem trabalhadas e muito bem ministradas.

A faixa 5 “My Soul Long” é uma das melhores, com ministração espontânea da vocalista, com letra curta e fácil de ser cantada, é bastante performática.
“Let it Rain” é conhecida no meio nacional pelo grupo Toque no Altar, que canta a versão de Michael Farron, mas a versão do Jesus Culture diferencia as estrofes, mantendo o coro. “Faz chover, faz chover,  abre as comportas do céu, faz chover” (♪)

A faixa 2 “Rooftops”, é a melhor do álbum que entra em contraste com a 4ª música “I want to know You”, muito extensiva e sem aquele “quê” a mais pra nos segurar em 9 minutos de música.

Bônus extra para o instrumental, na maioria das músicas há uns detalhes que fazem toda a diferença e  são perceptíveis aos bons ouvidos. Dão conta do recados e todos muito bem sintonizados; o que é importante numa apresentação ao vivo. De todos, destaco positivamente o baterista quase impecável não fosse a mesmice das viradas em quase todas as músicas.

NOTA GERAL = 8,5