Caros amigos,

Essa semana estive pensando em qual assunto abordar nesse início de blog. Por fim, me vi de encontro com algo que sempre me pergunto: “Qual a verdadeira motivação de ser um levita músico na Casa de Deus? Particularmente vejo esse trabalho com seu significado muito além do que várias pessoas dizem. Muitos falam: “Estou no ministério de louvor para louvar e engrandecer o nome de Deus..”, “Adoro cantar e gostaria de fazer isso através do grupo de louvor..” Com certeza, muitas dessas e outras frases você já deve ter escutado também.

As frases mencionadas não tem possuem nada de errado. Para ser sincero, o estar no ministério de louvor é ter responsabilidade sobre vidas. Ao tocar ou cantar, você está sendo responsável em abençoar vidas através da ministração na igreja. Isso tem um peso enorme. Sinto um profundo incômodo quando não vejo tal atitude em vários grupos. É como se isso passasse desapercebido. O ministério de louvor é tratado como um status e nada além. Agora eu lhe pergunto: “Qual é o status de ser participante de um Ministério de Louvor? Por favor, se houver, me informe, pois até hoje não encontrei nenhum “status quo” referente a isso.

A única coisa que vejo ao ser integrante de um ministério de louvor é estar preparado para tudo o que possa vir a acontecer quando se louva. Pode-se ter momentos em que a igreja esteja “tocando” no Trono de Deus e em outros instantes, o louvor nem bate no teto. É uma batalha, pois estamos em constante guerra com o inimigo de nossas almas. Na verdade, é uma batalha de músicos, pois o diabo entende muito bem desse assunto, pois ele foi um músico.

É preciso que a cada dia possamos reavaliar nossas motivações. É estar disposto a pagar o preço pelo Reino de Deus. Infelizmente, vemos muitas pessoas despreparadas e com pensamentos totalmente errôneos dentro das igrejas.

Bom… abs…

Até o próximo post